Site Autárquico de Vila do Bispo

Receitas

Glórias de Vila do Bispo

 Ingredientes:

Açúcar ½ kg

Amêndoa pelada e moída 250g

Manteiga 125g

6 Gemas de ovos

3 Claras de ovos

Folhas de obreia, q.b.  (tipo massa tenra, estendida e cortada às rodelas)

Ferve-se o açúcar com pouca água até atingir o ponto de fio. Deita-se a amêndoa, mexe-se, retira-se, junta-se a manteiga, torna a mexer e deixa-se amornar.

Adicionam-se os ovos batidos e coloca-se em lume brando, mexendo até engrossar. No dia seguinte, tendem-se bolinhos pequenos que se tostam no forno em tabuleiros forrados com folhas de obreia, colocando-os afastados. Depois de frios, apara-se a obreia em volta à tesoura.  

(fonte: Pantagruel, 2004, 65ª edição).

 

Lulas Cheias

 Ingredientes:

Para 4 pessoas

1 kg de lulas médias

100 g de presunto

150 g de chouriço de carne (linguiça)

2 dl de azeite

2 Cebolas

2 Dentes de alho 

1 Folha de louro

1 Ramo de salsa

500 g de tomate maduro

Sal e pimenta

Arranjam-se as lulas deixando-lhes os sacos inteiros. Picam-se os tentáculos juntamente com o presunto e o chouriço.

Pica-se a cebola e os dentes de alho e alouram-se com 1 dl de azeite, meia folha de louro e um ramo de salsa. Quando a cebola estiver macia, adiciona-se metade da porção do tomate sem pele e sem grainhas e cortado em bocados e deixa-se cozer tudo. Quando este preparado estiver bem apurado, junta-se o picado de tentáculos das lulas, presunto e linguiça. Deixa-se cozer durante 10 a 15 minutos.

Enchem-se as lulas com o preparado, sem ser em demasia, e fecham-se os sacos com palitos de madeira.

Num tacho de barro deitam-se a cebola e os tomates que restam picados, salsa e louro, sal e pimenta e 1 dl de azeite.  Dispõem-se por cima as lulas regando-as com o recheio que sobrou. Tapa-se o recipiente e deixam-se cozer as lulas em lume muito brando.

Acompanham-se com batatas fritas cortadas em palitos grossos.

 

Massada de Peixe

Ingredientes:

Azeite

Alho 

Louro 

Pimento 

Tomate 

Sal q.b.

3 Camarões por pessoa

Peixe de posta (+/- 250 g por pessoa), que poderá ser tamboril, cherne, sargo ou corvina,

Massa de cotovelos

Cerca de 15 minutos antes de servir, junte o azeite, o alho, o louro, o sal, os camarões e deixe alourar. Adicione água, juntamente com a massa e o peixe, devidamente salpicado.

 

Moreia Frita

Escala-se a moreia, passa-se por uma salmoura e pendura-se, tendo previamente sido esticada com canas. Fica assim durante um dia. Frita-se em seguida e é comida normalmente em sandes. É um petisco muito saboroso: a pele estaladiça e seca contrasta com a suculência da sua carne. Para se deliciar, deve consumi-la, de preferência, entre Outubro e Março e certificar-se de que é escura.

 

Morgado de Figo

Ingredientes:

500 g de figos secos ;

500 g de amêndoa ;

500 g de açúcar ;

50 g de chocolate ;

10 g de canela ;

3 g de erva-doce ;

1 limão grande ;

açúcar em pó

Torram-se ligeiramente os figos e as amêndoas. Depois de frios rala-se a amêndoa (só uma passagem na máquina) e pica-se o figo finamente com uma faca ou tesoura.

Num tacho, de preferência de arame, deita-se um copo de água (2 dl). Junta-se o açúcar, o chocolate, a canela, a erva-doce, a raspa da casca do limão e deixa-se ferver até fazer ponto de cabelo. Adiciona-se então a amêndoa, mexe-se, deixa-se ferver durante 5 minutos e junta-se o figo. Mexe-se tudo muito bem para misturar e deixa-se ferver mais 5 minutos. Deixa-se arrefecer um pouco.

Tem-se uma tábua polvilhada com açúcar pilé, sobre a qual se deita a massa de figo. Dá-se-lhe a forma redonda amparando-a com um cincho de folha ou com uma tira de papel grosso. Comprime-se bem. Quando completamente frio, pincela-se o morgado com uma cobertura de açúcar como se disse para o morgado de amêndoa e enfeita-se a superfície com grangeia de várias cores. Contorna-se com franjinhas brancas de papel de seda, cristal e celofane.

É com esta massa que se moldam as galinhas, coelhos, presuntos e outros motivos, que são parte importante da doçaria algarvia.

Há quem suprima a erva-doce e reforce a quantidade de limão: para 500 g de figo a raspa da casca de 5 limões médios. O chocolate pode juntar-se ao mesmo tempo que a amêndoa, podendo a porção ser maior ou em parte substituída por cacau. Há também quem não torre o figo.

 

Queijo de Figo

Ingredientes:

1 kg de figo

500 g de miolo de amêndoa

25 g de chocolate em pó

1 Colher de sopa de erva-doce

5 g de canela

300 g de açúcar

1 Chávena de água

1 Cálice de medronho

Raspa de limão

Moem-se os figos e as amêndoas grossamente. Num tacho colocam-se os seguintes ingredientes: chocolate, erva-doce, canela, raspa de limão, medronho, açúcar e um pouco de água. Vai ao lume e mexe-se até ficar tudo ligado. Seguidamente mistura-se a amêndoa e o figo e mexe-se até ficar uma massa homogénea; retira-se do lume e deixa-se arrefecer. Finalmente, retirando pequenos bocados, molda-se esta massa em forma de pequenos queijos.

Próximos eventos

Multimédia

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e receba sugestões, notícias e eventos do nosso município na sua caixa de email.

Contactos